(21)99125-6012

Princípios e valores

Cabeça, coração e mãos
Em tudo o que fazemos utilizamos cabeça, coração e mãos, são os nossos maiores valoresNão nos limitamos só em obsorver dados e informações confiáveis (como é importante saber o perfil do sulacapense). Buscamos equilíbrio. Quando o que pensamos (baseado em informações, dados e evidências), o que sintimos (amor, respeito, compaixão...) e o que fazemos está em harmonia, sabemos que estamos no caminho certo. 
Equilibrar e fazer

Princípios essenciais - Somos como nos comportamos
As realidades que o nosso coração deseja ver no bairro e no mundo não são construídas sobre areia movediça, mas sobre princípios. Conheça alguns que orientam o que fazemos: 

Respeitamos os limites dos ecossistemas e criamos resiliência - Estamos revertendo a degradação do solo, da paisagem, da biodiversidade. O espaço da Praça Quincas Borba que era feio, fedorento, sujo e pobre foi transformado em um espaço rural bonito, cheiroso, mais rico em biodiversidade de plantas e bichos. As pessoas podem se conectar consigo mesmo, com outras pessoas e com demais seres que têm o fôlego da vida. Desde 2016, estamos usando os ecossistemas e mantendo o espaço de forma sustentável. Por meio de bons exemplos, queremos inspirar, encorajar, conectar e apoiar a comunidade.



É verdade que qualquer atividade humana gera impactos nos ecossistemas. Porém, há impactos negativos que podem ser controláveis e evitáveis através de uma liderança comunitária, ações de defesa e compromissos. Sabemos também que os problemas não evitáveis são passíveis de medidas para que tais impactos sejam os menores possíveis.

Promovemos a inclusão e a justiça social - Talvez você não, mas as pessoas mais vulneráveis da comunidade são provavelmente as mais afetadas pela escassez e preços caros dos alimentos causados pelas mudanças climáticas, bem como pela falta de espaço adequado para participar da vida comunitária. Em eventos culturais baratos ou gratuitos o fator exclusão não tem vez. A horta comunitária ajuda. Estamos nos esforçando para que todos vivam bem, saudavelmente e com os meios de vida sustentáveis.

Adotamos subsidiariedade - Nós não estamos tentando assumir o controle ou centralizar tudo. Buscamos o bom senso. Não temos dúvida que cada pessoa, cada grupo deve ser livre e incentivado a tomar medidas positivas e autônomas sem a intervenção externa. Pensamos e agimos sempre em colaboração ou apoio.

Prestamos atenção ao equilíbrio - Equilibramos o tempo dedicado ao trabalho com o tempo dedicado ao lazer e descanso. As pessoas tem espaço para reflexão, celebração e descanso para equilibrar os momentos em que estão ocupados fazendo as coisas.


Nós sempre seremos eternos aprendiz - Percebemos quando precisamos de certas habilidades e de informações. Aproveitamos experiências e insights uns dos outros. A história local, por exemplo, nos permite aprender com os erros e com os sucessos. Há muito que aprender com o modo como as coisas eram feitas no passado.

Compartilhamos livremente idéias e poder - Neste Blog, na associação de moradores e no fórum, por exemplo, compartilhamos ideias, informações e conhecimentos. Queremos incentivar a transformação para a sustentabilidade, em vez de restringir, sem ajudar.

Colaboramos e buscamos sinergias - Buscamos ajuda com quem compartilha os princípios da sustentabilidade e multiplicam experiências neste âmbito. Buscamos oportunidade para trabalhar junto e ter um impacto maior do que trabalhando sozinho.

Promovemos visão e criatividade positivas - Nada lamentações, lamúrias e reclamações, e muito menos nos colocamos como vítimas das situações. Imaginamos um futuro positivo para a nossa comunidade. Somos vacinados contra a “Síndrome do Hardy”. 
Personagem de um antigo desenho, Hardy tinha como bordão “Oh céus! Oh vida! Oh azar! Isso não vai dar certo!” Contrariando a sua natureza, a hiena vivia em lamúrias.
Somos capazes de fazer coisas incríveis, indo além de falar sobre elas. O que fazemos, o que criamos, é limitado só pela nossa criatividade e pelo ponto até onde nós nos permitimos acreditar que é possível agir na direção dos nossos sonhos, interesses, objetivos e metas.

0 comentários:

Postar um comentário